quarta-feira, 29 de abril de 2009

Leio A Carta Esférica, de Arturo Pérez-Reverte

Boa Vista - Arturo Pérez-Reverte é a próxima sensação literária ibérica. O escritor espanhol é autor do roteiro de "Território Comanche", um dos melhores filmes de jornalismo dos 1990 e do aclamado "O pintor de Batalhas". Aqui, uma história sobre caçadores de tesouros naufragados, marinheiros empedernidos, torturadores argentinos e mulheres loucas por dinheiro.

Infelizmente, "A Carta Esférica" não atinge algumas expectativas. Os personagens são estereotipados e há longas descrições inúteis de portos, becos e bares das docas. No caso do protagonista, a representação é arquetípica: lembra um Jack Kerouac arrancado dos trilhos de trem e jogado no cais. A personalidade pitbull do marinheiro Coy contradiz terrivelmente seu gosto por bebop e cool jazz. Além disso, o cara lê apenas obras sobre o mar e navegação. Coisa que nem este blogueiro fã de Amyr Klink, Joseph Conrad e Herman Melville faria.

Título: A Carta Esférica
Autor: Arturo Pérez-Reverte
Editora: Cia. das Letras
Páginas: 529
Preço: R$ 49,50

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Leio A vida secreta dos grandes autores, de Robert Schnakenberg

Boa Vista - Livros como este provam que o culto às celebridades pode não estar totalmente reduzido àquele grupo de pessoas com o QI abaixo da temperatura ambiente. Neste caso, a fofoca torna-se interessante por ser reveladora de conteúdos literários brilhantes. Embora escandalosos, perturbadores, bizarros, traumáticos.

Dos filhos ilegítimos de Shakespeare à concupiscência de Lord Byron; do glutão Balzac ao gótico Allan Poe; das excênctricas irmãs Brontë ao nacionalista Walt Whitman, tudo o que você não precisava saber sobre sexo, drogas e bons livros.

Título: A Vida Secreta dos Grandes Autores
Autor: Robert Schnakenberg
Editora: Ediouro
Páginas: 312
Preço: R$ 41,90

domingo, 12 de abril de 2009

Os reis da baixaria (Cap. 2)

Boa Vista - Estaria a intelligentsia condenada ao gueto da TV paga? Estaria o povo condenado a uma televisão de péssima qualidade?

Como os donos das concessões são políticos ou gente ligada a eles, o campeonato da baixaria é disputado por todas as redes de TV, embora já exista uma emissora favorita:

RedeTV! é condenada a indenizar Xororó por ofender sua honra em programa

RedeTV! deve indenizar operador de câmera chamado de "Todinho" por Monique Evans

RedeTV! descumpre norma judicial e pode pagar R$ 1,5 milhão a Carolina Dieckmann

RedeTV! é condenada a indenizar Clodovil

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Os reis da baixaria (Cap. 1)

Boa Vista - No Brasil, entre as leis que não pegam, está a das concessões de teledifusão. Apesar de temporárias, na prática elas são permanentes. Não fosse assim, teríamos o maior rodízio de canais abertos que se tem notícia por falta de atendimento às exigências constitucionais. Mas no continente apenas Hugo Chávez parece ter moral suficiente para cassar uma concessão mal utilizada.

Infelizmente, por falta de estudo, nossos diretores de programação só lêem o caput do Artigo 220, esquecendo que sua principal missão é cumprir o que está disposto no Artigo 221:

A produção e a programação das emissoras de rádio e televisão atenderão aos seguintes princípios:

I - preferência a finalidades educativas, artísticas, culturais e informativas;

II - promoção da cultura nacional e regional e estímulo à produção independente que objetive sua divulgação;

III - regionalização da produção cultural, artística e jornalística, conforme percentuais estabelecidos em lei;

IV - respeito aos valores éticos e sociais da pessoa e da família.

Satanistas são clientes insatisfeitos.