domingo, 23 de junho de 2002

Sickness

São Paulo - Este blog vai ficar desatualizado por algum tempo. A luxação do ombro direito voltou e devo ficar semi-mumificado pelos próximos oito dias. Depois, farei uma cirurgia nos ligamentos. Justo agora, no final da dissertação. Portanto, vou postar o que já estava escrito e até a próxima.

sexta-feira, 21 de junho de 2002

Bloguema número 2

Hai-cais de Inverno
© Avery Veríssimo


Sol inclinado
inverno quente
em junho

*

À margem do rio,
pinheiros
mangueiras

*

No armário
roupas
poeira

*

Solstício
Sol
abandona Gêmeos

*

Solstício
Yule
canta e dança

Cronos

São Paulo - Beira o nonsense falar sobre insônia às 5 da tarde. É que na insônia, às 5 da manhã, escrevemos apenas o que interessa, comprovando a tese de que uma boa noite de insônia pode ser produtiva. Ou, em última instância, que uma noite produtiva pode ser arrebatada pela insônia.

Ajude

São Paulo - Fiquei sabendo de uma história muito louca, uma situação urgente.

Em Manaus, uma menina de três meses de idade sofre de uma doença rara e precisa trocar todo o sangue, numa cirurgia que só pode ser feita no Hospital Beneficência Portuguesa.

Situações como essa, na Amazônia, são relativamente fáceis de resolver em ano eleitoral não fosse um pequeno detalhe: a mãe e a avó da menina são Testemunhas de Jeová e não admitem intervenções cirúrgicas na criança, por questões religiosas.

Embora parte da família tenha usado uma série de argumentos, inclusive que, se Deus criou o homem e lhe concedeu poder para curar os doentes, logo aceitaria auxílio da Medicina para resolver este caso, não adiantou.

Há uma única oportunidade de fazer a cirurgia: com a autorização do pai, que é separado da mãe, mas mora no andar de cima da mesma casa, no bairro da Compensa, na periferia de Manaus. A questão é delicada mas acho que esse assunto não pertence apenas à família. Uma vida está em risco. Alguém que ainda pode fazer muito pela humanidade. Ou pode não fazer diferença nenhuma. Mas precisa de uma oportunidade.

A mãe da menina chama-se Dorotéia Oliveira e mora na avenida São João, número 123, Compensa. O telefone é 675 0218. O pai chama-se Wilson e pode ser encontrado no mesmo endereço.

Pode ser uma irresponsabilidade publicar este endereço aqui. Estou em São Paulo e poderia ficar indiferente a isso. Mas não dá. E acredito que os bloggers de Manaus podem pensar em algo para ajudar esse bebê.

quinta-feira, 20 de junho de 2002

Sucks

São Paulo - Decepcionante aguardar a lista de atualizações do Blogger, encontrar apenas um em português e descobrir que, ao invés de acrescentar um novo endereço interessante à sua lista pessoal, publicaram apenas papos incompreensíveis dos chats ou quilômetros de letras de música, muitas sem o nome dos autores ou ainda testes para descobrir se você é a Lisa Kudrow ou o Matt Le Blanc.

quarta-feira, 19 de junho de 2002

Novo template

São Paulo - Pronto. Acabo de usar o laboratório da Pós-Graduação da ECA para mudar o template. Ninguém percebeu. Que mudei o template.

terça-feira, 18 de junho de 2002

Terra dos Ventos*

São Paulo - Resolvi vasculhar o Google com os termos Blog e Roraima. Alguns resultados: um cara acusa outro de tentar ser a Marilyn Monroe de Roraima (??). Noutro blog, sujeito de pouca cultura propõe mudar os nomes de Tocantins, Rondônia, Roraima e Acre para Didi, Dedé, Mussum e Zacarias (???).

O blog de uma garota noticia que três sites de Roraima concorrem ao IBest. Outra garota lamenta que duas pessoas estejam indo para lá passar dois anos. Outro, diz que o Butt se mandou pra Boa Vista. Geane Oliveira, 16 anos, bloga de Boa Vista. Ou blogava, já que não atualiza há tempos. Enquanto isso, "o Roraima" junta-se às fileiras deste blog. Já aqui, the song remains the same: provavelmente uma roraimense que mora no Rio.

Neu tro Azul, feito pelo Hermano, que mora em São Paulo é movimentado. Tem de uma foto do Smashing Pumpkins (grande show no Pacaembu, em 1996), e não abusa das abomináveis abreviações dos IRCs.

Rede Bobo

Numa faixa levantada por torcedores nas arquibancadas da Coréia, uma inscrição do tipo: "Tim Lopes, sua luta não foi em vão...".

Além da perfeição geométrica e da diagramação do letreiro - coisa de profissional -, havia na faixa-cartaz aquele símbolo (vênus platinada) da Rede Globo. Perfeito, com todas as cores e reflexos. Parecia feito pelo próprio Hans Donner.

Das novelas ao Big Brother; do Gente Inocente ao Jornal Nacional, nada na Globo é por acaso...

domingo, 16 de junho de 2002

Bloomsday

Há 98 anos, no décimo-sexto dia do sexto mês, Stephen Dedalus andou pelas ruas de Dublin e a história da literatura mundial nunca mais foi a mesma. Ei, será que já ouvi isso antes? Ah, bom. Pensei que ninguém tinha notado. Mas como diz a Sidenia, James Joyce é o escritor mais comentado e o menos lido. A questão, entretanto, é: será que um dia a velha Dublin saberá diferenciar os acontecimentos reais dos narrados em Ulisses?

Eu sou o Burgess Meredith

Ninguém faz testes para descobrir se é o Burgess Meredith. Ou Spencer Tracy....

sábado, 15 de junho de 2002

Crááááááááasssssss!

O barulho que ouvi há uns dez minutos era mais horrível que a onomatopéia do título. Foi como um arrastar de coisa pesada e duas batidas em seguida, me fazendo levantar às pressas, abandonar o teclado pensando "por favor, estejam bem, não morram, existem pessoas que os amam" e ver, pela janela do apartamento, que mais gente andou se ferindo no trânsito de São Paulo. Morremos como moscas neste ambiente selvagem, em que faixa de pedestre e sinal vermelho são meros símbolos na semiótica desse circuito de rua letal.

sexta-feira, 14 de junho de 2002

Branco

São Paulo - Um grupo de abnegados cidadãos virtuais vem empreendendo, com sucesso, um movimento em prol da página em branco.

O motivo é o seguinte: antigamente os livros vinham com muitas páginas em branco antes de ir para o que interessa. Hoje já não é assim e tal...O barato do movimento é reintroduzir outra vez as páginas em branco, oferecendo-as como um momento de tranqüilidade no rush da rede.

Digerati

Em tempos de neo-censura é bom lembrar que temos uma Declaração de Independência do Ciberespaço e que a rede está aqui menos para receptáculo de nossas banalidades diárias do que para aproximar cidadãos.

Necromancia

Fuçando os arquivos do Tapioca reencontrei a lista das 50 pessoas mais bonitas do mundo. Mortas.

quarta-feira, 12 de junho de 2002

Sou o George C. Scott

Insisto. Nada de testes do tipo "que Smurf sou eu" nestas e-pístolas. Essa estória de testezinho pra cá, testezinho pra lá...

Pau que nasce torto...

Raimundos, Rodox e, em última instância, o Rodolfo. Em carreira-solo ou noutra banda.

Sósias 2

Baby do Brasil e Steven Tyler

Sou o Danny Ayelo

Não vou entrar nessa. Ninguém vai me ver colocando links aqui para aqueles testes do tipo "quem sou eu". Definitivamente não.

terça-feira, 11 de junho de 2002

E vamos nós!!


Quem é fã deve se ligar no SBT. Estão passando episódios dOs Impossíveis pela manhã. É meu desenho preferido da infância. Ou seja: de todos os tempos. Três caras legais que tocam numa banda de rock e nas horas vagas combatem o crime como um grupo de super-heróis com poderes especiais. Os heróis são o Homem-Mola, que estica braços e pernas indefinidamente, como o Senhor Fantástico; Homem-Fluido, que transforma-se em líquido; e Multi-Homem, que cria vários clones de si mesmo.

Na sala, diante da TV:
- O Multi-Homem sou eu!, gritava para o meu irmão.
Ele respondia:
- E eu sou o Homem-Mola!
E brincávamos, felizes, por horas seguidas.

Acesse os roqueiros-heróis em Hanna Barbera, Revista de Cultura e no Site do Curioso.

segunda-feira, 10 de junho de 2002

Tim

Tim Lopes está morto. Uma lágrima pela imprensa amordaçada e torturada.
No comments

Interface Rizomática

Alunos de pós-graduação da Universidade Federal da Bahia usaram em sua pesquisa sobre jornais-laboratório universitários uma velha home page que mantive, entre 1996 e 1997 na Fortunecity .

Um resumo:
O site do jornal apresenta um caráter personalizado de direcionamento. A interatividade resume-se a e-mails para as editorias. A interatividade é eminentemente técnica, e o desenho da interface é rizomática. O site tem uma estrutura de navegação de quarta geração, o texto organiza-se de forma intertextual, descentralizado e navegável.

Não entendi nada, mas parece bom.

sábado, 8 de junho de 2002

Tire sarro do presidente

Do presidente norte-americano. Figura sempre presente nessas Epístolas, não poderíamos deixar de divulgar este site, onde tal fóssil pode ser admirado em toda a extensão da sua incapacidade de raciocínio. Na capa da última edição, uma fato que a diplomacia e a imprensa americana tentaram esconder, mas saiu na Der Spigel: Bush, estarrecido, perguntou a FHC se no Brasil também havia negros. Aqui há uma tradução em inglês do mico.

Eminência parda

Leitura Dinâmica é uma honrosa exceção na "grade popular" da Rede TV.

Profissão de risco

A ONG Reporters San Frontiers - que surprendentemente não tem um braço no Brasil - considera o desaparecimento do repórter Tim Lopes, da Rede Globo, como uma ameaça à liberdade de imprensa no país das Bananas.
Lopes era repórter "oculto" da Globo, especialista em reportagens brabas, como filmar a feira do tráfico nos morros do Rio.
Há enormes possibilidades de que Lopes tenha mesmo sido assassinado por traficantes que desconfiavam do seu trabalho. É o preço que este tipo de profissional, em cuja veia corre o vício da investigação jornalística, tem que pagar: usado pela grande rede de TV, tem a vida reduzida a nada por "amor à camisa". Até quando?

sexta-feira, 7 de junho de 2002

Blog na escola

São Paulo - Agora é sério. A Universidade de Berkeley está criando oficialmente a cadeira de webloging, dando caráter científico ao que a Wired chama de do-it-yourself journalism. Leia mais aqui.

Trintaeum

São Paulo - Domingo é meu aniversário. Não quero bolos ou festa, como sempre. Deve haver alguma coisa, como sempre. Ficarei chateado como sempre? Não. Passarei a tarde com meu filho enquanto Andréa visita Geovana no Sumaré.

I wanna be sedated



Dee Dee Ramone está morto. Neste momento, ele deve estar encontrando Joey e fazendo um rock nervoso em outra dimensão. Com metade da banda morta, os Ramones juntam-se aos Beatles no time dos "só restam dois". Uma pena que isso aconteça justamente com bandas que mudaram a história do rock and roll.

segunda-feira, 3 de junho de 2002

Livros, discos e etc.

São Paulo - De repente senti aquela necessidade irresistível – talvez por influência de certos blogs – de falar sobre o que leio, ouço ou assisto, como se isso fosse atrair a atenção de alguém ou mudar a vida de internautas desavisados. Mas as biografias de Fellini, Bette Davis e Napoleão que estão à minha esquerda na desorganização da última prateleira da pequena estante ao lado do computador não ajudam. Nem o Rheimgold e o Santilli que preciso ler para terminar a dissertação. Nem as entrevistas com escritores no livro Escritores 2 (Companhia das Letras), que todo mundo tem, mas não sabe onde encontrar a primeira parte. Nem Os Buddembrook que comprei por uma pechincha lamentando já ter lido. Nem o Ulisses que mandei buscar porque sentia falta. Nem a biografia de mil páginas do autor, escrita por Richard Ellman. Nem os três exemplares de Cabeça de Papel que guardo, com ciúmes, entre títulos malucos como Tensões e Transformações Sociais e O Espírito do Tempo, Parte I: Neurose. O que fazer então? Ouvir em plena madrugada aquele Leonard Cohen de 1971 e lamentar a infelicidade dos que só o conheceram pela trilha de Natural Born Killers? Ouvir, na seqüência, o Idlewild e o Walking Wounded do Everything But The Girl só a título de comparação? Lamentar os Lou Reed (Berlim e A perfect night in London) roubados pela Expresso Araçatuba? Devo dizer que o Livro dos Sonhos, de Jack Kerouak vale a pena? Ou que tenho La Nave Va no armário da cozinha por falta de espaço? Que finalmente consegui ler tudo o que está escrito no clip de Chapa o Coco, do Xis? Que o som do vinil é melhor que o de CD? Esperar que alguém acredite nisso, “se o som do CD é tão limpo”. Perder tempo explicando que é exatamente por essa razão? Afinal, até onde pode chegar o pedantismo blogger?
Futebol
Enquanto o Lakers escapa da eliminação precoce nos playoffs da NBA e amargo a falta temporária de TV a cabo, fico pensando em como agüentar acordado até a estréia do Brasil na Copa 2002. Faltam cinco horas e meia para o início do jogo e penso que não vou suportar o sono, que começou a bater. Tenho, então, uma grande idéia para ficar acordado, sem recorrer à cafeína: blogar. Nada para tirar o sono como a lentidão do Blogger.

Insônia

São Paulo - Tenho dormido cada vez menos horas por noite, e pra completar, assisti a três jogos de futebol seguidos na madrugada de ontem - ou anteontem?
Como a insônia só me permite dormir depois das 3 AM, tenho emendado para assistir a jogos de futebol na Coréia e no Japão. Essa Copa ainda acaba comigo...

“As grandes descobertas ocorrem quando subitamente o possível encontra o desesperadamente necessário.” (Thomas Friedman - New York Times...